domingo, 29 de março de 2015

Náufrago.


Era eu sozinho no barco
O barco ia e vinha
Nas ondas da vida eu ia fraco
Não havia dor pra juntar com a minha.

Uma onda ameaçou me derrubar
Eu não tinha forças pra ficar de pé
Sem saber como me salvar
Preferi esperar e ter fé.

A onda passou muito forte
Lavou meu barco inteiro
Mas eu ainda estava lá
Vivo, no meio do aguaceiro

Olhei os pedaços do barco
Acreditei por um momento na sorte
Lá no céu brilhou um arco
De hoje em diante não mais temo a morte.

Ismália .


Música do dia: Do I Wanna Know? - Arctic Monkeys

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vamos lá, não se acanhe... ;)